Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Contacto
Dúvidas ou sujestões dicasparapoupar@gmail.com
Newsletter

Escreve aqui o teu e-mail:

Delivered by FeedBurner

27
Mai
15

Parece que este ano o Verão decidiu despertar mais cedo e com o calor também apetecem comidas mais leves e rápidas, por isso esta salada é mais uma refeição muito fácil de preparar e ideal para os dias mais quentes.

Ingredientes:

800g de grão de bico cozido (podem usar em frasco, eu cozi em casa)

3 postas de bacalhau

4 ovos

1 cebola

1 ramo de salsa

azeite, vinagre e sal q.b.

 

Modo de preparação:

Colocar um tacho com água a ferver, levar a cozer o bacalhau e os ovos temperados com o sal, ter em atenção se o bacalhau já estiver salgado.

Como já tinha o grão de bico cozido anteriormente na panela de pressão, depois de cozido basta apenas desfazer o bacalhau em lascas e descascar os ovos, picar a cebola e um ramo de salsa para uma tigela.

Servir o grão de bico com o bacalhau, os ovos partidos, polvilhar com a cebola e a salsa, temperar depois com um pouco de azeite e vinagre e está pronto a comer.

Esta receita deu para duas refeições de 2 pessoas.

Custo: Tive um custo de 1,60€, uma vez que cozi o grão de bico em casa, brevemente falarei da poupança que obtemos e os ovos eram caseiros, se tiverem que comprar os ovos ficará por: 2,20€.

20150421_215820.jpg

Bom apetite :)

publicado por Rosa Cristiana* às 08:26
23
Jan
14

Diariamente tento fazer refeições saudáveis e ao mesmo tempo económicas e também rentabilizar os alimentos, mas sem contudo deixarmos de comer bem ou comer menos apenas para poupar, isso é uma questão que felizmente não preciso de ter, muito graças a todas as estratégias de poupança que vou partilhando e que me tem ajudado a manter o orçamento familiar estável e ainda conseguir poupanças todos ou quase todos os meses.

 

Assim, achei interessante quando consegui com 5 postas de bacalhau fazer 5 refeições, sem no entanto cortar na qualidade ou até mesmo na quantidade da comida, porque não sei se já referi anteriormente, mas nós somos apenas dois mas comemos bem, sim, não basta uma pequena sandes e um prato de sopa porque aí o J. iria ficar com fome, comemos bem e pronto.

 

Tirei as 5 postas com o objectivo de rentabilizar ao máximo mas também de gastar o resto do bacalhau que sobrava no congelador, tenho mais mas está no congelador da sogra e virá brevemente para nossa casa, foi comprado nas promoções do Natal a bom preço.

 

Assim, descongelei o bacalhau e preparei todo o bacalhau para fazer bacalhau com broa e cenoura, ou seja, fervi, desfiei e fiz o refogado com cebola, alho, azeite, louro e também acrescentei cenoura ralada, já é tradição e é uma boa forma de comermos legumes de forma despercebida. Ralar a cenoura e adicionar em várias comidas é uma boa forma de a dar às crianças sem que elas reclamem :) Depois juntei parte do bacalhau às batatas e couves do bacalhau com broa, podem ver aqui a receita, para perceber melhor.

 

Como também me sobraram algumas batatas cozidas, pensei logo que poderia fazer uns bolinhos de bacalhau e congelar, já há muito tempo que não faço e dão sempre jeito para aqueles dias em que chegamos mais tarde a casa ou que não apetece cozinhar. Fiz também uns bolinhos de bacalhau e ainda sobrou um pouquinho do bacalhau, que já era muito para os bolinhos e que congelei numa tacinha para receitas futuras, de qualquer forma sozinho não dará para nada, mas com outros restos de bacalhau dará uma refeição ou mais.

 

Temos então:

3 refeições de bacalhau com broa e cenoura, uma vez que deu para nós jantarmos um dia, para o J. levar no dia seguinte para o trabalho e ainda deu para mais um jantar dos dois :)

2 refeições de pastéis de bacalhau, os pastéis que rendeu dão perfeitamente para o jantar de um dia os dois e para o almoço do J. no dia seguinte e como já referi não comemos pouco :)

 

As postas de bacalhau eram de tamanho médio, havendo uma que era a parte do rabo e que rende menos, mesmo assim consegui fazer render bastante. Se fosse apenas para uma pessoa é possível conseguir 10 refeições, também depende se comem mais ou menos.

 

Alguns dias da semana também junto uma sopinha para acompanhar, o que além de saudável sempre pode ajudar na poupança. O ideal é ter sempre sopa caseira de preferência com muitos legumes, saudável, nutritiva e económica.

 

Bom, fotografias não tenho, porque entretanto já tínhamos comido quando me apercebi do interesse que poderia ter, no entanto ainda tirei fotografia a alguns bolos de bacalhau que estavam no congelador.

 

Estes serão uns bolos de bacalhau um pouco diferentes uma vez que o bacalhau também já tinha cenoura, mas são à mesma muito bons :)

 

 

E assim se poupa {#emotions_dlg.sol}

publicado por Rosa Cristiana* às 10:50
11
Dez
13

O bacalhau à brás é uma comida que até gosto bastante, apesar de ser pouco saudável.

 

Prefiro com batata caseira, mas cá em casa torna-se complicado fazer com batata caseira, então no outro dia aproveitei uma promoção e comprei uma embalagem de batata palha para matar as saudades do bacalhau à brás e ficou bastante bom :)

 

Ingredientes:

2 postas de bacalhau grandes

1 cebola

1 dente de alho

azeite q.b.

1 folha de louro

300 g de batata palha

salsa

4 gemas + 2 ovos

piri-piri

 

Modo de preparação:

Levar um tacho com água ao lume e ferver o bacalhau durante 8 minutos. Desfazer o bacalhau em lascas.

Cortar a cebola em meias luas finas, juntar o dente de alho picado e refogar no azeite com a folha de louro até alourar a cebola, juntar o bacalhau e envolver, deixar refogar mais um pouco. Retirar a folha de louro e colocar a batata palha, envolvendo bem e misturando tudo.

Bater as gemas e os ovos com uma vara de arames, juntar ao bacalhau e envolver tudo muito bem. Polvilhar com salsa picada e temperar com piri-piri. Deixar ao lume apenas para cozer as gemas e está pronto a servir.

 

Se gostarem podem polvilhar com ainda mais salsa picada ao servir.

 

Não juntar sal, uma vez que a batata palha já tende a ser um pouco salgada.

 

Custo: Esta receita teve um custo de 3,50€, batata palha comprada com 50% de desconto imediato.

 

Fotografia tirada com o telemóvel, não ficou grande qualidade.

 

Bom apetite :)

publicado por Rosa Cristiana* às 14:50
07
Jun
13

Na tentativa de incluir sempre mais um ou outro vegetal na comida, de forma a que o J. coma sem reclamações, surgiu mais uma das minhas invenções.

 

Ingredientes:

2 postas de bacalhau grandes

2 cenouras

10 batatas de tamanho médio

1 couve lombarda

2 folhas de louro

1 cebola

1 dente de alho

1/2 broa de milho

azeite

sal e piri-piri

 

Modo de preparação:

 

À semelhança do bacalhau com broa, levar o bacalhau a cozer apenas para depois lascar bem, em água com sal e uma folha de louro. Entretanto descascar as batatas e partir ao meio. Levar as cozer na água do bacalhau e a couve também.

 

Enquanto as batatas cozem podemos desfazer o bacalhau em lascas. Descamos também as cenouras e ralamos com o ralador. A broa é desfeita e bocadinhos e levamos à picadora para ficar tipo pão ralado.

 

Depois refoga-se no azeite a cebola e o dente de alho picados, junta-se a cenoura ralada e uma folha de louro, deixa-se refogar um pouco e acrescenta-se o bacalhau, envolvendo tudo, tempera-se com piri-piri, junta-se então a broa ralada e envolve-se bem. Guardar um pouco de broa para colocar por cima.

 

Com as batatas e a couve já cozidas, partir as batatas em rodelas finas e colocar num tabuleiro, mais ao menos metade das couve e por cima a mistura do bacalhau com a cenoura e a broa, mais uma camada de batatas e couves e outra de bacalhau e finalmente a broa picada que guardamos.

 

Levar ao forno apenas para tostar a broa.

 

Eu utilizo esta ordem de ingredientes, mas podem colocar conforme gostarem, desde que fique em camadas :)

 

Agora ao escrever esta receita até me lembrei que também deve ficar bem juntar ao refogado do bacalhau um alho francês cortado em rodelas, hei-de experimentar e depois se ficar bom coloco aqui :)

 

Custo da receita: 2,80€.

 

Como a maioria dos produtos são caseiros ficou-me quase a custo zero.

 

Bom Apetite :)

 

publicado por Rosa Cristiana* às 10:16
09
Abr
13

Gosto sempre de incluir alguns vegetais na comida, por mais que o J. torça um pouco a cara, por isso faço sempre combinações que ele goste e como tenho muitos que vêm do quintal da minha mãe, vou usando com frequência.

 

Desta vez foram os espigos no arroz de bacalhau, fica muito bom e é a melhor forma de ele os comer.

 

Ingredientes:

- 3 postas de bacalhau

- um molho de espigos de couve (cerca de 200g talvez)

- 1 medida de arroz

- 3 medidas de água

- 1 tomate

- 2 colheres (sopa) polpa de tomate

- 1 cebola

- 1/2 copo de vinho branco

- azeite

- sal e piri-piri q.b.

 

Modo de preparação:

Picar a cebola e levar a refogar com o azeite. Entretanto arranjar os espigos, limpar as folhas fracas e partir ao meio. Quando a cebola começar a alourar acrescentar o tomate, limpo de peles e sementes, deixar refogar mais um pouco e acrescentar os espigos, a polpa de tomate e o vinho branco. Deixar ferver durante cinco minutos e acrescentar o bacalhau e os temperos. Ferver mais um pouco e acrescentar a água, para ficar o arroz malandrinho, acrescento 3 medidas ou mais. Deixar ferver, adicionar o arroz e deixar cozer. Retificar os temperos e está pronto a servir.

 

Eu normalmente coloco o bacalhau com as postas inteiras, mas se não quiserem encontrar as espinhas o melhor é deixarem ferver um pouco, retirar o bacalhau, desfiá-lo em lascas grandes e depois acrescentar quase quando o arroz estiver cozido.

 

Bom apetite :)

 

Custo: 3,10€

 

publicado por Rosa Cristiana* às 09:50
04
Jan
13

Hoje deixo-vos uma receita muito prática e económica mas ao mesmo tempo também muito saborosa.

 

Uma receita do Natal, mas também ideal para o dia-a-dia :)

 

Bacalhau com broa

 

Ingredientes para 2 pessoas:

2 postas de bacalhau com tamanho considerável

10 batatas de tamanho médio

1 couve

2 folha de louro

1 cebola

1/2 broa de milho

sal

 

Modo de preparação:

Ferver um pouco o bacalhau em água com sal e uma folha de louro (atenção à quantidade de sal, se o bacalhau estiver salgado). Entretanto descascar as batatas e partir ao meio. Preparar também a couve. Depois de retirar o bacalhau, adicionar as batatas e a couve na mesma água e deixar cozer.

 

Deixar arrefecer um pouco o bacalhau e desfazer em lascas. Entretanto levamos a cebola a refogar no azeite, com a outra folha de louro e juntamos o bacalhau, mexendo com cuidado para não desfazer o bacalhau e deixar refogar.

 

Desfazer a broa com as mãos ou colocar na picadora até ficar triturada, tipo "pão ralado".

 

Depois num tabuleiro colocar metade das batatas cortadas às rodelas, de seguida a couve, depois o bacalhau, a restantes batatas às rodelas e por cima a broa picada, que foi previamente envolvida no azeite que restou do refogado do bacalhau.

 

Se acharem necessário regar com mais um pouco de azeite.

 

Levar ao forno até a broa tostar um pouco.

 

A ordem dos ingredientes pode ser alterado a gosto.

 

Esta receita também pode ser feita com grelos, mas como aqui em casa não gostamos muito preferi fazer com couve.

 

Como a maioria dos produtos são caseiros, a receita ficou-me quase a custo zero.

 

Custo: Para quem tem que comprar tudo: 2,75€

 


 

Bom apetite e bom fim de semana :)

publicado por Rosa Cristiana* às 08:36
04
Dez
12

O Natal aproxima-se a passos largos e é nesta altura que muitas famílias compram grande quantidade de bacalhau para a consoada.

 

Nós cá em casa comemos bacalhau o ano todo, é um peixe que comemos com frequência.

 

Vejo muitas vezes comentários em blogs e fóruns onde as pessoas dizem comprar bacalhau congelado em posta, ou já desfiado que é mais rápido de preparar, é mais rápido, mas também muito mais caro.

 

 

 

Assim, seja no Natal ou durante o resto do ano, nós compramos sempre bacalhau "em bruto" e salgado.

 

 

 

Faço sempre por comprar em promoção quando elas aparecem, mando cortar e depois em casa demolho o bacalhau em água, fica de um dia para o outro ou dois dias, depende da grossura do bacalhau e devemos mudar de água algumas vezes.

 

Depois coloco as postas no congelador todas separadas para não se agarrarem, no dia seguinte quando já estiverem congeladas, junto tudo numa saca :)

 

Quando preciso de fazer bacalhau tiro de manhã ou no dia anterior e deixo a descongelar.

 

Tiro as postas adequadas ao tipo de bacalhau que vou fazer. Se for bacalhau desfiado tiro postas mais pequenas e mais "fracas" como a parte do rabo por exemplo e depois desfio, cozido ou em cru, depende da receita.

 

Bacalhau congelado apenas compro em promoção e só quando ela é mesmo boa :)

 

Tenho gasto os vales que ganhei no site da Pescanova em Bacalhau Desfiado, mas junto sempre com o vale de 5€ em compras iguais ou superiores a 20€ do Continente e se houver a promoção de 15%, que tem havido com frequência é que compro mesmo, ainda recebo para comprar :) Esta semana vou gastar os meus últimos vales com esta promoção que está a decorrer no Continente.

 

Já que falo em promoções e aproveitar para gastar os últimos vales Pescanova, quem tiver o talão do Mini-Preço de 25% ou 30% em produtos Pescanova pode aproveitar para comprar no Mini-Preço, que compensa ainda mais, está com desconto no folheto, o desconto do talão e o vale de desconto ainda fica um crédito grande para outras compras :) Eu não tenho o talão, senão aproveitava :)

 

Mas compro bacalhau congelado apenas nestas promoções boas, quando pago apenas uns cêntimos ou não pago nada, porque já fiz o teste e 400g de bacalhau desfiado da Pescanova, depois de descongelado fica 250g, se fosse a comprar em situações normais o preço que ele custa por quilo é muito superior.

 

Vejamos uma promoção que está neste momento no Continente, em bacalhau congelado Pescanova Posta:

 

 

Custaria 4,99€ (9,99€ - 5,00€), mesmo utilizando um vale de 10% ficaria a 4,59€ a embalagem.

 

Fazendo o preço por quilo, ficaria 6,56€/kg.

 

 

Se virmos agora bacalhau salgado:

 

 

 

Custa 5,49€/kg, se juntarmos o talão de 10% de desconto fica 4,94€/kg ou se comprarmos cerca de 20€ de bacalhau e usarmos o vale de 5€, fica a 4,24€/kg.

 

Mais barato que o congelado, neste caso comparando preços a diferença não é muita porque estamos perante uma promoção, mas temos sempre que nos lembrar que o peso do congelado depois de descongelado é sempre menos.

E em situações normais, sem promoção, o preço do bacalhau congelado por quilo dispara para os 14,27€, podemos comprar bacalhau salgado muito melhor a preço muito mais baixo.

 

Para demolhar o bacalhau de forma mais rápida para uma emergência, lavem bem o bacalhau de sal e depois demolhem em leite, que é mais rápido e fica ainda mais saboroso :)

 

Vocês também têm por hábito comprar salgado ou compram já demolhado congelado?

publicado por Rosa Cristiana* às 09:05
15
Nov
12

Hoje deixo-vos uma receita de bacalhau muito simples e económica :)

 

Bacalhau à Gomes de Sá

 

Ingredientes:

- 3 postas de bacalhau já demolhado

- 500 g de batatas

- 1 cebola

- 1 dente de alho

- 1 folha de louro

- 1 dl de azeite

- 2 ovos

- 1 raminho de salsa

- azeitonas pretas

- sal q.b.

 

Preparação:

Leva-se o bacalhau a cozer em água, sem deixar cozer muito, retira-se e levam-se as batatas com casca a cozer, previamente lavadas e cortadas ao meio ou pouco mais pequenas, bem como os ovos, temperar a água de sal.

Entretanto limpa-se o bacalhau de espinhas e peles e desfaz-se em lascas. As batatas depois de cozidas, descascam-se e partem-se em bocados mais pequenos, com a mão.

Faz-se então um refogado com o azeite, a cebola e o alho picados, junta-se a folha de louro e o bacalhau e deixa-se refogar mais um pouco. Adicionam-se depois as batatas e envolve-se tudo com cuidado. Polvilha-se tudo com a salsa picada e envolve-se mais um pouco antes de retirar do lume.

Coloca-se numa travessa de servir. Os ovos partem-se em rodelas e colocam-se por cima do bacalhau e adiciona-se também as azeitonas, pode-se polvilhar com mais um pouco de salsa, se gostarem.

 

Nós não tínhamos cá azeitonas não colocámos, mas estava muito bom :)

 

Uma receita saborosa e económica :)

 

Custo: Esta receita dá para duas pessoas e teve um custo de 1,80€. Para mim ficou ainda a menos porque as batatas, cebolas e ovos são caseiros da mamã e comprei o bacalhau numa promoção :)

 

 

Bom apetite {#emotions_dlg.sol}

publicado por Rosa Cristiana* às 10:35
17
Out
12

Estes bolos de bacalhau resultaram de um aproveitamento de sobras.

 

Foi um dia que jantei sozinha, e tinha sobrado do dia anterior uma posta de bacalhau e algumas batatas cozidas, assim pensei mesmo o que fazer com aquilo, foi então que me lembrei de fazer bolos de bacalhau.

 

Nunca tinha feito, mas gostei da experiência e voltarei a repetir :)

 

Ingredientes:

Meia cebola

1 dente de alho

1 pouco de azeite

Bacalhau

Batatas

1 ovo

1 ramo de salsa

piri-piri

óleo para fritar

 

Desfazem-se as batatas em puré e adiciona-se um ovo, mexe-se bem até que fique uma mistura homogénea.

Depois de desfiar o bacalhau. Levamos ao lume um tacho com a cebola picada, o alho picado e um pouco de azeite a refogar. Adicionamos o bacalhau e deixamos refogar mais um pouco, mexendo para ele se desfazer bem, temperamos com piri-piri e sal se necessário.

Misturamos então com a batata e adicionamos a salsa picada, misturanto tudo muito bem até ficar bem homogéneo.

Agora é so levar o óleo a aquecer, formar os bolinhos com a ajuda de duas colheres e fritar.

Acompanhei com arroz de tomate e uma salada :)

 

Os meus restos de bacalhau e batata, renderam-me 8 bolinhos que deram para 2 refeições para mim :) E assim se poupa!

 

publicado por Rosa Cristiana* às 08:20
25
Set
12

Muitas leitoras me pedem sujestões de receitas económicas e fáceis.

 

Aqui fica uma fácil, económica e rápida.

 

Esta receita era para ser inicialmente umas pataniscas ou bolinhos de bacalhau, mas o J. disse, então e se fizessemos uma omelete? Gastamos menos óleo e faz-se mais rápido. Lá experimentámos e gostámos :)

 

Ingredientes:

bacalhau desfiado (podem ser sobras de bacalhau)

1 cebola picada

1 raminho de salsa

4 ovos

farinha

sal e piri-piri

óleo para fritar

 

Preparação:

Batem-se os ovos e adiciona-se o bacalhau, a cebola picada e a salsa, mexe-se bem. No final vai-se adicionando farinha até ficar com a consistência desejada, de massa para pataniscas. Depois é só temperar com sal e piri-piri.

Aquece-se um pouco de óleo numa frigideira antiaderente e verte-se o preparado, espalhando como se fosse uma omelete, deixa-se fritar de um lado e vira-se para fritar do outro.

Cortamos depois em quartos ou tiras mais pequenas e está pronto a servir com um arroz de cenoura ou de tomate e uma saladinha fresca :)

 

 

É diferente mas nao deixa de ser deliciosa :)

publicado por Rosa Cristiana* às 07:35
mais sobre mim
Dica da Semana

Publicidade
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO